A serpente de bronze – Números 21:4-9

Partiram eles do monte Hor pelo caminho do mar Vermelho, para contornarem a terra de Edom. Mas o povo ficou impaciente no caminho.

E falou contra Deus e contra Moisés, dizendo: “Por que vocês nos tiraram do Egito para morrermos no deserto? Não há pão! Não há água! E nós detestamos esta comida miserável!”

Então o Senhor enviou serpentes venenosas que morderam o povo, e muitos morreram.

O povo foi a Moisés e disse: “Pecamos quando falamos contra o Senhor e contra você. Ore pedindo ao Senhor que tire as serpentes do meio de nós”. E Moisés orou pelo povo.

O Senhor disse a Moisés: “Faça uma serpente e coloque-a no alto de um poste; quem for mordido e olhar para ela viverá”.

Moisés fez então uma serpente de bronze e a colocou num poste. Quando alguém era mordido por uma serpente e olhava para a serpente de bronze, permanecia vivo.

Estudo Bíblico

Quando aquele povo estava no deserto murmurando tanto que Deus teve que mandar serpentes para picá-los, então, quando vários deles estavam morrendo por causa das picadas das serpentes, Deus envia uma mensagem de misericórdia, Deus disse a Moisés: Pegue uma serpente de bronze e erga numa haste no meio do acampamento, todo aquele que foi picado pela serpente, irá até o centro do acampamento, olhará para a serpente de bronze que está erguida e então será sarado da picada.

Muitos dos que reclamaram e foram picados pela serpente, disseram: Isso desafia a lei da ciência médica, o que olhar para um pedaço de bronze tem a ver com a picada de cobra? Esses então morreram que nem moscas, os outros disseram: isso não é muito científico, mas pelo menos é uma esperança, eu estou morrendo, estou inchado como sapo, estou morrendo por causa dessa picada, essa é a única esperança que eu tenho, esses foram carregados até o centro do acampamento ou se arrastaram até lá, quando olharam para a serpente de bronze, foram curados das picadas, se nós não crermos Deus fica limitado pela nossa fé, Deus nos fez com liberdade de escolha.

Deus tinha Moisés para levantar uma serpente de bronze, e a colocou sobre uma haste, que nada podia fazer o povo a não ser olhar para aquela serpente e viver, essa era a única esperança que eles tinham e todos que foram picados e olharam para aquela serpente de bronze viveram. Como Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do homem seja levantado (João 3:14).

A serpente de bronze na haste representa Jesus morto na cruz, morreu por nossos pecados, não havia nenhuma vida na serpente de bronze, você tem que morrer para o pecado, tal como morto Ele foi e você nasce de novo, você já teve esse olhar de fé? Já olhou para Jesus erguido na cruz? Já colocou sua fé e confiança em tudo que Jesus fez por você na cruz? Ele é a única solução para os nossos pecados, porque Jesus é o único Salvador, a única Esperança, a única Solução e o Único capaz de nos livrar do pecado que nos leva à morte eterna.

Bronze representa julgamento Divino do pecado, altar de bronze era a primeira peça do pátio do tabernáculo, onde o sacrifício era queimado, que simbolizava a morte de Jesus, era como uma grande churrasqueira, durante todo o tempo, o fogo era mantido aceso naquele lugar, onde era sacrificado o animal que o pecador trazia para receber perdão dos seus pecados, esta mobília nos mostra que todo pecado requer seu julgamento.

A serpente em si mesma, sua forma representa o pecado, o pecado encobre a glória de Deus, o pecado é a causa do distanciamento de Deus, devemos matar a nossa carne, ou seja, morrer para o mundo para que possamos entrar verdadeiramente na presença do Senhor e sermos participantes da sua glória. O pecado sega o entendimento, nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus (II Coríntios 4:4).

Deus criou o homem com livre arbítrio e por isso ele pode escolher fazer a vontade de Deus ou a sua própria vontade, ele escolheu afastar-se do Criador, como Deus não tolera o pecado, Ele também se afastou do homem, mas graças a sua infinita misericórdia, enviou o Seu único filho Jesus Cristo a morrer na cruz do calvário e derramou o Seu precioso sangue por nós que o reconciliou com sua criatura, como oferta pura de sacrifício, morreu em nosso lugar, levando a condenação de todos os pecados por nós, em lugar de sermos condenados por nossos pecados, assim Ele nos salvou da condenação eterna. Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados (Isaías 53:5).

E quando nós olhamos para Cristo, vemos a penalidade, o único Deus, Ele mesmo, feito carne, Se humilhou vindo a terra, tomou sobre si o pecado de todos nós, o julgamento, a ira, o furor e a vingança do Deus Todo Poderoso foi posta por sobre Seu corpo e ali foi derramado todo o sangue na cruz e não havia quem o ajudasse, aquele foi o julgamento real.

Estando em agonia profunda, Ele orou e Seu suor tornou-se gotas de sangue, após a prisão, Jesus foi trazido ao sumo sacerdote, por manter-se em silêncio ao ser interrogado, os soldados do palácio caçoaram dEle, rasgaram suas vestes, cuspiram-lhe no rosto e lhe davam punhadas e outros o esbofetearam a Sua face (Mateus 26).

Formando opinião para O matarem, foi ferido com quarenta açoites, O despiram, puseram na Sua cabeça uma coroa de espinhos, bateram com uma cana em Sua cabeça, escarneciam dEle, cuspiram nEle, vestiram-lhe as Suas vestes, deram-lhe a beber vinagre misturado com fel, crucificaram-O, repartiram as Suas vestes lançando sortes e por cima de sua cabeça puseram escrita a sua acusação: Este é Jesus, o Rei dos judeus e os que passavam blasfemavam dEle, meneando as cabeças, se és o filho de Deus, salva-te a ti mesmo, desce da cruz, escarneciam dele, dizendo: Salvou os outros e a si mesmo não pode salvar-se, se é o Rei de Israel, desça agora da cruz e creremos nele, confiou em Deus, livre-o agora se o ama, porque disse: Sou filho de Deus (Mateus 27).

Ele morreu de tal modo que toda criação sentiu, a terra ficou envergonhada de si mesma, Ele morreu de tal modo que até as estrelas ficaram envergonhadas, Ele sofreu de tal modo que o sol não pôde brilhar, Ele sofreu de tal modo que a lua desligou suas luzes, Ele sofreu de tal modo que até mesmo os elementos da terra se tornaram negros e escuros, tão escuros que você podia senti-los. E desde a hora sexta houve trevas sobre toda a terra, até a hora nona, e perto da hora nona exclamou Jesus em alta voz, dizendo: Eli, Eli, lamá sabactâni, isto é: Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? (Mateus 27:45-46) eis que o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo, e tremeu a terra, e fenderam-se as pedras; e abriram-se os sepulcros, e muitos corpos de santos que dormiam foram ressuscitados (Mateus 27:51-52).

Ele pisou o lagar da ira de Deus sozinho, Ele andou na estrada sozinho, Ele morreu sem ajuda de nenhum anjo, de um homem, de Sua igreja, de Sua mãe, de Seus irmãos, de Seu pai, abandonado por Deus, pelo homem e pela natureza, Ele morreu sozinho, para nos mostrar que nem mesmo a natureza pode nos ajudar na hora da morte, não há nenhum amigo, nenhum sacerdote, nenhum pastor, é morte, contudo, houve um que a levou por nós, nenhuma vida na serpente, ela era absolutamente cristalizada, a morte de Cristo era a penalidade.

Ninguém já sofrera assim ou poderia sofrer assim, não existiu nenhum mortal que pudesse passar por aquilo, porém Ele sofreu, Deus colocou sobre Ele a iniqüidade de todos nós, e passou seu julgamento sobre Ele, Ele pisou o lagar da ira de Deus sozinho sem nenhuma ajuda, ali nada havia para ajudá-lo, Deus colocou a penalidade, tudo estava sobre aquela penalidade e nada poderia ajudá-lo, pois todos éramos culpados, não houve sumo sacerdote que pudesse ajudá-lo, tudo parou atrás e assistiu aquilo, aquele foi o maior momento que já existiu na história mundial, Ele morreu quando não existia uma gota de vida deixada nEle, tornou-se como a serpente de bronze, exatamente um ornamento cristalizado pendurado na cruz.

Ressuscitou dentre os mortos (Mateus 28:7) e agora temos um intercessor, o único caminho verdadeiro que nos dá acesso a Deus, que é Jesus Cristo o nosso Salvador. Eu sou o caminho, a verdade e a vida, ninguém vem ao Pai, a não ser por mim (João 14:6) para ter acesso a esse caminho você tem que passar por um processo do novo nascimento, você não pode conservar os mesmos hábitos do mundo, você tem que morrer para o mundo como Ele morreu, você tem que morrer para o pecado, morrer para seu próprio pensamento, para nascer para o pensamento dEle, deixe que a mente que estava em Cristo esteja em você, você tem que pensar os pensamentos dEle.

Se você é nascido de novo, você tem os pensamentos dEle, se a mente de Cristo está em você, logo você é uma nova criatura, até então você era nascido por vontade do varão aqui na terra, e agora você é uma criação nascida pelo Espírito Santo, seus pensamentos próprios estão mortos, eles estão tão mortos até ao ponto de ficarem cristalizados como a serpente de bronze, ou como quando Ele morreu e os céus e a terra e todas as coisas testemunharam que Ele estava morto.

Ele morreu até que estava tão morto que quando foi traspassado pela lança o seu sangue e água estavam separados em seu corpo, Sua morte foi tão tremenda até o mundo teve um entenebrecimento nervoso, isto balançou, isto tremeu até que as pedras caíram das montanhas, Sua carne estava tão morta que a terra teve uma escuridão nervosa, para saber que a genuína Palavra falada de Deus, rochas e lagos, galhos e troncos e árvores na terra, e as estrelas e a lua, Sua real palavra falada viu seu Criador se tornar carne, e o pecado ser posto sobre Ele, a ira de Deus derramada sobre Ele, fez até que a lua apagasse suas luzes, a terra teve uma sacudida nervosa escuridão, ela teria partido em pedaços se não tivesse um plano futuro para nós.

E os elementos da terra, vendo o que acontecia sacudiram-os àquela condição, o que deve isto fazer a mim e a você?  O que deve fazer a nossas almas quando olhamos e vemos o que Deus fez por nós? E isto foi tudo por você e por mim, o que deve isto fazer por nós? Continuar em pecado? Deus proíbe o pecado, devemos morrer para o pecado, você não vê o que o pecado causou para Ele? O pecado O matou, e Ele tomou a pena do pecado de tal modo que Ele pode trazer a retidão de Deus para você e para mim, então, quando a retidão de Deus vem para nós, o pecado é morte em nossos seres mortais, morremos para a vontade da carne e nascemos para Cristo.

Para nascer de novo você deve passar por um processo de morte, tudo deve passar, você toma um grão de milho, se aquele milho espera nascer de novo, ele tem que morrer primeiro, se um grão de trigo espera nascer de novo, isto é totalmente impossível, pois aquele milho, aquele trigo, aquela flor, aquela árvore, aquele capim, aquele vegetal tudo que espera nascer outra vez deve morrer primeiro, então como você vai escapar a isto? Você tem que morrer primeiro, você tem que morrer para si mesmo, para o mundo, morrer para tudo, de tal modo que você possa nascer de novo, você tem que fazer isto, se você não morre para o mundo você jamais poderá viver outra vez.

O Filho unicamente tinha imortalidade, e Ele deu-Se a Si mesmo a você para que você simplesmente O aceitasse, agora, você deve morrer para o pecado e assim viver eternamente com Ele.

Você tem que ser tão culpado e se sentir tão culpado que, exatamente a culpa matará você, você tem que se considerar tão culpado na presença de Deus que sua vida no mundo morre exatamente ali, a questão do pecado termina para você quando você está se colocando na presença de Deus, quando você estiver assim, você está certo de viver, porque você morre, e o único caminho para que você possa viver de novo é morrendo primeiro, assim você poderá viver de novo.

O novo nascimento, primeiro, morrer, a fim de nascer de novo, e se você ainda tem as coisas do mundo em você, você não é nascido de novo, e como você vai afirmar ser nascido de novo se ainda permanece com as coisas do mundo perseverando em você? 

Nossas almas são colocadas pela fé sobre Seu altar de bronze, julgamento de Deus, e nossa oferta é consumida, agora, lembre-se quando Elias, sob aqueles céus de bronze, colocou a oferta de Deus sobre o altar, a oferta foi consumida, aquela oferta foi aceita pelo Senhor e quando você vai a uma igreja e crê na palavra que foi pregada, se derrama aos pés do Senhor e O adora verdadeiramente, sua oferta é recebida por Deus, ela é consumida, você sai uma outra pessoa, o mundo está morto para você, pois nos reconhecemos a nós mesmos mortos e sepultados, nós estamos mortos e encobertos em Cristo, escondidos em Cristo e estamos selados com o Espírito Santo.

Quando nossas almas são colocadas sobre o altar de julgamento Divino, qual era a pena? Morte, e quando você coloca a si mesmo sobre o altar de Deus, onde é pronunciada morte sobre o pecador, como pode você se levantar dali vivo em pecado, se Deus aceitou o sacrifício? Você morre, você realmente está consumido, você é petrificado, não ficou mais nada para você apenas esta forma em você se acha nela, igual a serpente de bronze, como ficou Cristo quando eles O levaram à morte na cruz, você está morto, por que? Você está sobre o altar de julgamento de Deus, qual é o seu julgamento? Morte, e quando você deposita sua alma sobre Seu altar de julgamento, isto é morte para você.

Agora, sua alma está colocada sobre aquele altar de bronze do julgamento de Deus, mas, se está vivo no mundo ainda, isso mostra que Deus não tem recebido seu sacrifício, Deus jamais o tomou, agora falando sobre obter o Espírito Santo e quando você tem que esperar? Até que Deus confirma a sua fé genuína em Cristo e receba aquele sacrifício, até que seu julgamento tenha realmente matado os seus sentidos, até que Deus receba aquele sacrifício em Seu altar de bronze, Seu altar é julgamento, qual é seu julgamento? Morte, esta é a penalidade.

A alma que pecar, deve morrer, não importa o que você tenha feito, Jesus disse: Muitos virão a mim naquele dia, e dirão: Senhor, não tenho eu feito isto e feito aquilo? Ele dirá, Apartem-se de mim, vocês que cometem iniqüidade, quando aquele sacrifício é recebido pelo fogo e a fumaça sobe, você é elevado com seu sacrifício aos céus, e você fica selado longe do mundo, então nossa alma está sobre Seu altar.

Quando você vem para o altar de bronze do julgamento de Deus, e você quer ser nascido de novo, tão somente deposite a si mesmo ali sobre ele, profundamente, sinceramente, coloque a si mesmo sobre o altar de bronze de Deus, do julgamento de Deus, e torne-se tão morto para o mundo como Cristo o foi, venha tão morto, quanto a serpente de bronze, nenhuma vida em si, toda Sua vida tinha se ido e Cristo foi deixado sem vida, eles o levaram da cruz e O sepultaram no túmulo, Ele estava morto e então Ele ressuscitou por nossa justificação, como sabemos? Porque Sua vida que O ressuscitou daquela condição de morto, aquela mesma vida nos ressuscita de nossa condição do mundo, em uma nova criatura em Cristo Jesus, e então pelo Espírito Santo nós somos selados no reino de Deus até o dia de nossa redenção.

Na verdade, na verdade, te digo, a não ser que o homem nasça de novo ele não pode entender o reino de Deus, não tente entendê-lo, você jamais o conseguirá, Jesus disse que vocês não poderiam entender, apenas aceite-O, aceite-O nas bases de Sua Palavra.

Não ande cegamente agora, e diga: Óh Senhor dê-me uma sensação, não, simplesmente diga: Senhor, mate-me, tire o mundo para fora de mim, eu ainda amo as coisas do mundo, a luxúria, a depravação, a ordem do mundo, todas estas coisas do mundo, simplesmente morrem, automaticamente morrem, e elas não mais te envolverão, elas se tornam miseráveis para você.

Muitos estão se sentindo seguros de sua salvação, acreditando assim ser salvos através das obras de suas próprias mãos, praticando obras de caridade, olhando para o líder religioso, lutando contra as serpentes que o atacam, embora estejam em perigo iminente, pois o inimigo sussurra ao ouvido das pessoas que estão em paz quando não há paz (Jeremias 6:14) e nenhuma dessas pessoas estão olhando para Jesus.

Olhe para Cristo

Existe um caminho de salvação claramente assinalado, mas em vez de aceitá-lo, as pessoas seguem por outros caminhos que nada lhes valem, é preciso achegar-se a Cristo reconhecendo ser um pecador para receber a salvação, não deixe que as coisas do mundo tirem seu foco de Cristo, assim como Moisés apontava para a serpente de bronze pendurada numa haste, Deus aponta hoje para aquele que morreu na cruz no lugar do pecador, Olhe para Jesus que morreu, ressuscitou e te dará o perdão e a vida eterna.

Download

Seja um Missionário, curta ou compartilhe que você estará contribuindo com as Missões. Que Deus lhes abençoe grandemente.

Anúncios

4 respostas em “A serpente de bronze – Números 21:4-9

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.